Google+ Followers

domingo, 6 de julho de 2014

Ventosa


O que é então a ventosa?
É uma técnica que se vale pela sucção. A pressão negativa é induzida na pele com intuito de favorecer a troca gasosa e limpar o sangue. 
  • Mantém o pH do sangue numa faixa de acidez ligeira, aumentando a vida média dos glóbulos vermelhos
  • Limpa glóbulos vermelhos degenerados
  • Aumenta o nível de cálcio no sangue
  • Fortalece os vasos e ativa circulação (sanguínea e linfática)
  • Ativa secreção hormonal
  • Acelera a digestão
  • Elimina dor
  • Combate tosse
  • Trata intoxicação por substâncias químicas, remédios e gases
  • Elimina toxinas
  • Acalma nervosismo
  • Controla hipertensão e arteriosclerose
  • Bom para doenças de Rim e de Fígado

Estes efeitos ocorrem devido principalmente a capacidade da pele de eliminar catabólitos, toxinas e gases (promovendo a limpeza do sangue), semelhante a função de troca gasosa do Pulmão.
Os principais usos da ventosa são:
  1. Tensão muscular, como dores nos joelhos, nas costas etc. A ventosa promove a passagem do sangue da corrente sanguínea para a corrente periférica, na pele e, a seguir, o derrama sobre o músculo, relaxando-o. Muitas vezes, a tensão é tão grande que a massagem na área fica dificultada. A ventosa facilita o trabalho do massagista ou fisioterapeuta.
  2. Problemas respiratórios. Nos casos de bronquite, enfisema ou mesmo de uma simples falta de ar, geralmente podemos perceber que o diafragma (músculo entre o tórax e abdômen, responsável pela utilização dos lobos inferiores do pulmão) está quase ou sem nenhum movimento. Com ele contraído, os lobos inferiores do pulmão não se movimentam como deveriam, promovendo a proliferação de vírus nestes lobos, fato responsável pelos sintomas na maioria dos problemas respiratórios. A ventosa, aplicada sobre os músculos responsáveis pela respiração, a facilita.
  3. Alergias e intoxicação. Talvez esta seja a melhor indicação da ventosa, apesar de esse público quase não a procurar. Com a sucção, o aumento da corrente periférica promove maior nutrição das células, desintoxicando-as. Além disso, a ventosa facilita a limpeza das glândulas sudoríporas e sebáceas, além de aumentar a drenagem linfática e a circulação venosa.
  4. Celulite. A pressão negativa facilita uma melhor distribuição da celulite, melhorando a aparência. Nestes casos, é necessário começar com as ventosas menores e abusar da cânfora no creme ou óleo de massagem.
  5.  Estrias. Um dos principais usos na atualidade. A sucção força a passagem de sangue (e seus nutrientes), aumentando a oxigenação e a elasticidade do local.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Quiropuntura

Quiropuntura
Acupuntura nas palmas das mãos